Cookies: Utilizamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso. Por favor, verifique nossa política de cookies.

Entendi e Fechar
Plano Safra 2022/2023: Sicoob libera mais de R$ 1 bilhão para produtores rurais
Tão importante quanto produzir bem é investir de forma adequada para alavancar os negócios no campo. Atuando sempre com foco no crescimento do agronegócio no Espírito Santo, o Sicoob vai liberar mais de R$ 1 bilhão para os produtores capixabas no Plano Safra 2022/2023, que corresponde ao período de julho deste ano até junho do ano que vem.

Nesse período, a cooperativa vai aumentar em mais de 22% o montante de crédito rural liberado em relação ao Plano Safra 2021/2022, quando foram disponibilizados R$ 884 milhões e firmados cerca de 5 mil contratos.

Segundo o gerente de crédito e agronegócio do Sicoob ES, Eduardo Ton, o cooperativismo é uma das maiores forças do crédito para os produtores rurais. “Aumentamos o pacote de incentivo ao agronegócio para continuar expandindo a nossa contribuição para a melhoria do desempenho desse importante setor no Estado. Produtividade se constrói com planejamento e previsibilidade. Se o setor agropecuário sabe o quanto terá à disposição para contratar crédito, tem maior controle sobre toda a cadeia produtiva“, disse Ton.

Taxas especiais

Os produtores pequenos e médios têm atenção especial no Plano Safra, com aumento da disponibilidade de recursos de custeio e taxas de juros favoráveis. Para este público, os recursos tiveram uma variação de 60% e 50%, respectivamente.

Serão destinados R$ 270 milhões aos pequenos, com juros de 5% ao ano (para produção de alimentos e produtos da sociobiodiversidade) e 6% ao ano (para os demais produtos), e R$ 170 milhões aos médios produtores, com juros de 8% ao ano. A maior parte do montante é destinada aos produtores de grande porte: R$ 560 milhões, um aumento de 27%.

Estímulo

O Sicoob ES disponibiliza seus recursos para estruturar, custear e comercializar sua produção. Do total de recursos liberados no Plano Safra 2022/23, R$ 610 milhões serão para custeio, R$ 220 milhões, para investimentos, e R$ 170 milhões, para comercialização.

Para se ter uma ideia do volume recorde liberado pela instituição financeira, as quantias para custeio e investimento eram de R$ 448 milhões e R$ 191 milhões, respectivamente, no Plano Safra anterior.

“Esses recursos são fundamentais para o produtor rural financiar suas despesas operacionais, investir em maquinário ou mesmo expandir os negócios”, destacou Eduardo Ton. Segundo o gerente, garantir acesso a ferramentas voltadas para a redução de riscos e recursos que possam financiar todas as cadeias produtivas não é só uma questão econômica, mas principalmente de segurança alimentar. “Todos os nossos cooperados produtores rurais, independente do porte, poderão utilizar os recursos“, afirmou.

“As captações para crédito rural aumentam à medida que aprimoramos a contratação junto ao BNDES e ao Funcafé, por exemplo, do qual o Sicoob é o maior repassador no ES. São excelentes oportunidades para produtores de todos os portes“.

Fonte: Conexão Safra
27/07/2022

Compartilhe nas Mídias Sociais

Fale Conosco
(27) 3185-9226
Av. Nossa Senhora da Penha, 1495, Torre A, 11° andar.
Santa Lúcia, Vitória-ES
CEP: 29056-243
CNPJ: 04.297.257/0001-08